Lisbon Love

amores alfacinhas, styling em cápsulas regulares e prazeres caóticos de uma multi-tasker feliz

Ivy style…with a twist

Este post é também sobre preconceitos, nomeadamente os meus. Seja por ter passado parte da minha adolescência em Cascais ou pelos  tortuosos anos no Colégio M., o meu preconceito relativamente à onda mais betinha sempre foi muito claro. Aquele cheiro dos casacos encerados (ou ensebados, como lhes chama o querido Alfaiate) faz-me arrepios.  Sapatos vela?  Longe de mim, por favor. Blazers de botões dourados, alguém me passe um vomidrine. Camisolas ou t-shirts com os nomes das marcas em letras garrafais (Gant, anyone?), santa paciência. Mas lentamente as coisas começaram a mudar.  Será da idade? Do zeitgeist? L’air du temps? Dos meses em Manhattan onde só por acaso havia uma exposição precisamente sobre Ivy Style no museu do Fashion Institute of Technology?

Ivy Style  - Museum @ Fashion Institute of Technology (NYC)

Ivy Style – Museum @ Fashion Institute of Technology (NYC)

Não faço ideia, mas as camisas ganharam um novo destaque no meu closet, assim como outras coisas estranhas: várias peças de azul navy, cintos entrançados, laços (muitos laços!), estampados em xadrez tartan, blazers e até uma Longchamp Pliage. Mas hoje não vou falar do meu guarda roupa – vou falar do deles. Eles homens.  Um Ivy Style (ou male preppy) mais descontraído e tendencialmente com mais humor do que as equivalente femininas, não vos parece? É que o Ivy feminino facilmente descaí para o muito irritante. Neles é mais difícil, também porque têm básicos perfeitos, mais do que os nossos.  Nick Wooster e a personagem Chuck Bass são apenas alguns exemplos mais over the top, mas há mais, muito mais. E blogs excelentes (vejam em baixo)!

This post is also about prejudice, namely my own. Either because of the horrid years spent at a private school or other similiar traumas, I have become a bit alergic to anything preppy. Do not come near me with boat shoes. Navy blazers with gold buttons? Pass the barf bag pleease!  But suddenly thing started to change and either because of my Manhttan stay – where the Museum @ Fashion Institute of Technology did an awesome exposé on Ivy style – or because of the so called zeitgeist, I have become terribly and  unapologetically atracted to the male preppy, a.k.a Ivy Style. Think Nick Wooster or Chuck Bass. Or the other more relaxed guys. 

Madras patch jacket Nick Wooster

powernsoul_com

216454325811692782_oNmIvR9r_c

wasp1012

wasp 101

NICKWOOSTERBYSTYLEBUTCHER

tumblrljtembonqt1qiv280

by The Sartorialist

by The Sartorialist

bluntlysarcasticnomad_tumblr

bluntlysarcasticnomad_tumblr

by sartoriallife

by sartoriallife

pinterest1 62

by NYMAG

by NYMAG

by Close Up and Private

by Close Up and Private

tweedlandthegentlemansclub_blogspot_com1

streetetiquette_com

Also some great blogs about the male Ivy theme:

Unabashedly Prep

The Trad

A Noble Savage

Men of Habit

The Ivy League Lokk

Ivy Style

TSB

Off the Cuff

Image @ The Trad Blog

Image @ The Trad Blog

 And also some Tumblr’s

thefullerview@tumblr

thefullerview@tumblr

thisideaofsurrender@tumblr

thisideaofsurrender@tumblr

thefrenchcut@tumblr

thefrenchcut@tumblr

Happy Ivy🙂

2 comments on “Ivy style…with a twist

  1. Diana Marks
    23 de Março de 2013
  2. Marta Moura
    15 de Setembro de 2015

    Continuo a não suportar sapatos vela e botões dourados. Belas fotos de inspiração!🙂

Say your piece!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 20 de Março de 2013 by in Arts, Style and tagged , , , , , , , , .

Navegação

%d bloggers like this: